sexta-feira, abril 11, 2008

Bem falada...

Sempre que acontecem mudanças no jornalismo gaúcho colunas e colunistas de sites dedicados a falar bem e mal do que acontece por aqui dão os seus pitacos. Fiquei feliz - e tb aliviada - que pelo menos a minha ida de vez para a reportagem está sendo bem falada - pelo menos pelo ácido Previdi. Confiram o que o jornalista falou da moça aqui no último dia 10:

Quem ainda não viu
Não sabe o que está perdendo: Priscilla Casagrande, repórter da Record RS.
É extraordinária, fantástica, única na TV do RS. Monumental!
E uma excelente repórter – ia esquecendo do detalhe.
Confiram, urgente!!

Ufis, me salvei pela tangente...hihihi...

3 comentários:

Edu Cesar disse...

E tu achou que ele te criticaria, Priscilla? Por favor! Não dá pra te criticar, querida. Nem se der vontade dá pra fazê-lo! Basta tu abrir esse belo sorriso que a vontade acaba na hora (e paro aqui, em respeito ao honorável noivo do ano).

Edu Cesar disse...

Só reforçando meu comentário: se tu acha o Prévidi ácido, querida, não fico muito atrás, pois também não curto o formato atual do "Balanço Geral" (preferia mil vezes mais na época do Reche) e nem o Alexandre Mota (não, pelo menos, apresentando o programa e carregando nas tintas nas matérias mais sem nexo, pois já o vi fazendo reportagens no estilo clássico antes da Record/RS - até postei no YouTube uma das últimas matérias dele na Band/SP antes de vir pra cá - e aí acho que ele vai bem, fora que não tenho antipatia por ele, que parece ser bem simpático. Só não gosto da cópia que faz do Geraldo Luís, mas tudo bem).

Mas nem por isso deixo de dar uma bicada no programa só pra cuidar as tuas matérias, já que és mais assídua no "BG" que nos outros jornais. E que vale a pena o esforço, vale, esteja certa. Até largo o programa depois de ver a tua matéria, vou ouvir os debates de futebol no rádio. Mas sempre é ótimo vê-la, isso é fato - e não digo por agrado pois não é do meu feitio, e sim por achar isso mesmo a teu respeito.

A propósito: indiquei na tua comunidade dois vídeos teus com o mágico na Rua da Praia, postados pelo próprio no YouTube.

pree disse...

Grande Edu...

Valeu pela força! O formato do Balanço cria resistência sim. Nunca houve nada parecido cá pelas nossas bandas, e o simples fato de arriscarmos pelo diferente já o jornal. Muitas vezes pautas são cansativas e aquilo não é o que vc quer ver, mas nos meus VT´s por exemplo, sempre busco aliar INFORMAÇÃO com DESCONTRAÇÃO. Mesmo quando eles me metem em roubadas do tipo andar em carrinho de rolimã ou fazer um Rally 4X4 eu prezo pela essência do jornalismo: a informação.
A forma, bem essa nossa forma é suuuuper diferente do que se vê nos canais por aqui, mas há conteúdo, isso há, por mais leve, dramático ou engraçado que seja, sempre há conteúdo.
Agora, vai do gosto de cada um. Optar o novo e diferente ou continuar com o velho e conservador.
Eu, como sou um curiosa por tudo, prefiro arriscar, afinal sem o RISCO a vida nem vale a pena!

um beijo