terça-feira, dezembro 12, 2006

Lá vem elas, pt I

Céu
Os elogios unânimes à moça de nome estranho, meio hippie, meio non sense, fazem jus ao seu talento. Maria do Céu, 25 anos, intérprete e compositora, tem a música brasileira nas veias. Criando canções belas, de ritmos indefiníveis, algo de samba, algo de xote, algo de pop rock, tudo isso embalado por uma roupagem contemporânea e moderna mas tudo isso daqui, da terra brasilis.Diferente das “sapatas-voz-e-violão” que encontramos por aí e que são chatas até cantando com o Seu Jorge, Céu é diferente, não faz força, canta como se estivesse falando. O que isso tem de bom?! É sincero, e sinceridade é o que falta na indústria musical pra lá de híbrida que anda pelas bandas do nosso país. Destaque de Céu: Concrete Jungle do Bob Marley...luxo do luxo.

2 comentários:

juky disse...

Ouvir Céu é uma delícia...

maurício disse...

A Aplauso - e todo outro tipo de revista de cultura - não sabe o que está perdendo... Bá...